Sindilojas RioTelefone
   
 
Novidades
Busque no site
 
 
CapaSindilojas RioCentral do AssociadoServiçosConvêniosInformaçõesRevistaImprensaContato
Capa
 
Informações      
Mural
Notícias
Perguntas Frequentes
Downloads
Links Úteis
 
09/03/2018
Amazon vai começar a vender eletrônicos no Brasil diretamente
 



De acordo com a agência de notícias Reuters,  a Amazon está planejando vender eletrônicos diretamente no Brasil, ou seja, ela vai comprar diretamente das fabricantes e revender, com sistema de telemarketing, logística e transporte próprios. Inclusive, ela está planejando alugar um armazém de 50 mil metros quadrados em São Paulo para abrigar o seu estoque. A operação ainda não possui uma data definida.

Atualmente a Amazon já vende eletrônicos no Brasil, mas no sistema de marketplace, ou seja, você compra no site da Amazon mas o responsável pela entrega e pelo atendimento são vendedores parceiros. Esse é um método que reduz os custos operacionais, entretanto, pelo menos no Brasil, esse é um sistema que costuma dar muitos problemas, como atrasos nos pedidos e falta de comunicação do vendedor.
 
Vantagens

o começar a controlar todas as etapas da venda, a Amazon não só expande seus serviços em território brasileiro, como tem a capacidade de melhorar os preços e o atendimento, resultando em entregas mais rápidas e pressionando outras gigantes do varejo, como a B2W (Submarino, Shoptime, Americanas), Magazine Luiza, Mercado Libre Inc e Via Varejo (Casas Bahia e Pontofrio).

Além disso, a expectativa é de que serviços como o Amazon Prime, que fazem entregas mais rápidas sem custo extra, cheguem ao Brasil. Para isso, o usuário paga apenas uma assinatura mensal.

De acordo com a Reuters, do dia 26 de fevereiro a 2 de março, executivos da Amazon se encontraram com várias fabricantes para uma série de apresentações no hotel Blue Tree Morumbi. Ao que parece, a empresa mostrou o plano de negócios e os interessados teriam até o dia 09 de março para se cadastrarem no sistema da gigante do varejo.

Devagar e sempre

A expansão da Amazon no Brasil está se dando de forma lenta, porém constante. Ela chegou ao Brasil em 2012, apenas vendendo livros digitais e Kindles. E assim se manteve por dois anos, quando começou a vender também livros físicos.

Três anos depois, em outubro de 2017, ela começou a vender eletrônicos, consoles de videogames, utensílios domésticos e até mesmo ferramentas de construção. Porém, como já comentado, no esquema de marketplace, onde vendedores parceiros ficam responsáveis pela entrega e armazenamento.

Só agora ela planeja controlar todas as etapas das vendas, mas infelizmente, ainda não há um prazo para a implantação deste novo sistema de vendas. E você? O que acha da Amazon vendendo seus produtos sem a necessidade de intermediadores?

Fonte: Reuters






 
 
 
Voltar
 
Contribuições
Obrigações do Mês
Associe-se
Convênios
 
Revista
 
 
 
         
 
   
Sindilojas Rio
Telefone

Rua da Quitanda, 3 - 10º, 11º e 12º andares
Centro Rio de Janeiro RJ
CEP 20011-030