Sindilojas RioTelefone
   
 
Novidades
Busque no site
 
 
CapaSindilojas RioCentral do AssociadoServiçosConvêniosInformaçõesRevistaImprensaContato
Capa
 
Informações      
Mural
Notícias
Perguntas Frequentes
Downloads
Links Úteis
 
04/10/2018
Lojistas do Rio esperam aumento de 1,5% nas vendas no Dia das Crianças
 
O comércio lojista carioca estima um crescimento de 1,5% nas vendas para o Dia das Crianças - uma das datas comemorativas mais importantes do setor. É o que mostra a pesquisa Expectativa de Vendas do Centro de Estudos do Clube dos Diretores Lojistas do Rio de Janeiro – CDLRio, que ouviu 500 lojistas cariocas dos ramos de brinquedos, roupas, calçados, eletrônicos e artigos esportivos. Dos entrevistados, 29% tem lojas no Centro, 25,5% na Zona Oeste, 24,5% na Zona Sul e 21% na Zona Norte.

Segundo a pesquisa 79% dos lojistas esperam crescimento nas vendas. Eles acreditam que brinquedos (34,5%), roupas (23,6%), calçados incluindo tênis (10,9%), mochilas e acessórios (9,1%), jogos eletrônicos (8,2%), artigos esportivos (6,4%), tablet, iphone, celulares (4,5%) e livros (2,7%) devem ser os presentes mais procurados.

Os lojistas estimam também que o preço médio dos presentes por pessoa deve ser de cerca de R$ 110,00 e que 80% dos clientes deverão utilizar o cartão de crédito parcelado como forma de pagamento, seguido de cartão de loja, cartão de débito, cartão de loja e dinheiro.

O presidente do SindilojasRio e do CDLRio, Aldo Gonçalves, diz que a estimativa de vendas do comércio para o Dia das Crianças leva em consideração que as datas comemorativas anteriores (entre elas Dia das Mães, dos Pais e dos Namorados) não alcançaram as expectativas dos lojistas. Segundo ele a data é o Natal para o segmento de brinquedos, que a exemplo do comércio como um todo também vem sofrendo bastante com o atual cenário da economia, além de enfrentar a concorrência desleal do comércio informal, que em datas como esta inundam a cidade com produtos piratas e contrabandeados. “Apesar disso, os lojistas estão fazendo a sua parte. Continuam inovando para seduzir os pais e avós e apostam nas promoções, descontos, diversificação de planos de pagamento e crédito mais fácil”, conclui Aldo.

Para estimular as vendas os comerciantes renovaram os seus estoques e, como estratégia para atrair os consumidores, estão investindo em propaganda, promoção, na decoração da loja e vitrine, no desconto do total das compras, nas facilidades de pagamento e no lançamento de produtos entre outras ações.

A pesquisa mostra ainda que os pais (74,5%), os avós (18,2%) e os tios e padrinhos (7,3%) são os que mais presenteiam e a maioria das crianças (64,5%) é quem escolhe o próprio presente.
 
 
Voltar
 
Contribuições
Obrigações do Mês
Associe-se
Convênios
 
Revista
 
 
 
         
 
   
Sindilojas Rio
Telefone

Rua da Quitanda, 3 - 10º, 11º e 12º andares
Centro Rio de Janeiro RJ
CEP 20011-030