Sindilojas RioTelefone
   
 
Novidades
Busque no site
 
 
CapaSindilojas RioCentral do AssociadoServiçosConvêniosInformaçõesRevistaImprensaContato
Capa
 
Informações      
Mural
Notícias
Perguntas Frequentes
Downloads
Links Úteis
 
03/06/2020
Prefeitura libera camelôs, mas mantém restrições ao comércio formal
 
 
Enquanto a maior parte do comércio formal do Rio de Janeiro - que gera centenas de milhares de empregos e renda - está fechada há quase 80 dias por conta da pandemia de Covid-19, o prefeito Marcelo Crivella liberou a atuação dos camelôs na primeira fase de flexibilização e de retorno de algumas atividades no município.

Hoje, cerca de 14 mil ambulantes licenciados atuam nas ruas e em camelódromos da cidade. Além disso, outros milhares de camelôs ilegais se espalham pelas principais áreas comerciais e na orla da cidade, vendendo mercadorias, muitas vezes de origem duvidosa, ou produtos piratas.

Para o presidente do SindilojasRio e do CDLRio, Aldo Gonçalves, a medida não se pautou por critérios visando à recuperação da atividade econômica. Destacando a concorrência predatória, ele lembrou que a prefeitura já não fiscalizava adequadamente o comércio ambulante antes mesmo do decreto.

O SindilojasRio e o CDLRio, juntos, representam mais de 22 mil empresas lojistas de todos os portes, abrangendo mais de 30 mil estabelecimentos comerciais no Rio de Janeiro.

Leia na íntegra a matéria publicada no jornal O Globo, nesta quarta-feira: https://glo.bo/3gQiKyM
 
 
Voltar
 
Contribuições
Obrigações do Mês
Associe-se
Convênios
 
Revista
 
 
 
         
 
   
Sindilojas Rio
Telefone

Rua da Quitanda, 3 - 10º, 11º e 12º andares
Centro Rio de Janeiro RJ
CEP 20011-030