Sindilojas RioTelefone
   
 
Novidades
Busque no site
 
 
CapaSindilojas RioCentral do AssociadoServiçosConvêniosInformaçõesRevistaImprensaContato
Capa
 
Informações      
Mural
Notícias
Perguntas Frequentes
Downloads
Links Úteis
 
05/09/2018
Lojistas homenagearam o Exército
 
 

Realizada há 48 anos pelo SindilojasRio e pelo CDLRio, a tradicional homenagem ao Exército brasileiro, uma das mais respeitadas e reconhecidas instituições do País, reuniu autoridades militares e civis e lideranças de organizações representativas do comércio, como a Associação Comercial do Rio de Janeiro – ACRJ e a Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado do Rio de Janeiro – FCDL-RJ, nesta terça-feira (4/9), na sede do Clube de Diretores Lojistas do Rio de Janeiro.

Cumprimentando os presentes à solenidade pelo Dia do Soldado (25 de agosto, data de nascimento do Duque de Caxias) e dirigindo-se ao Interventor Federal na Segurança Pública do Rio de Janeiro e Comandante Militar do Leste, General de Exército Walter Souza Braga Netto, o empresário Aldo Gonçalves, Presidente do SindilojasRio e do CDLRio, enalteceu a importância da instituição militar para a manutenção da ordem e da democracia no Brasil. Ao comentar a crise pela qual passa o comércio, o dirigente ressaltou a violência, os camelôs ilegais – sendo muitos deles braços do crime organizado – e a desordem urbana como os principais fatores que, hoje, prejudicam não apenas o setor, mas toda a população. E destacou a importância da intervenção federal na Segurança Pública do Rio, transmitindo ao General Braga Netto mensagens de apoio de várias entidades representativas de classe.

O General Braga Netto estendeu à sua equipe e demais forças e profissionais envolvidos na intervenção as manifestações de apoio. Citando alguns dados recentes do Instituto de Segurança Pública – ISP, que registram a diminuição dos roubos de carro, de cargas, de latrocínios e de homicídios dolosos, entre outros, ele afirmou que a intervenção está dando certo e que, até o seu término, em dezembro, novos padrões de conduta no combate ao crime estarão estabelecidos.

Após receber uma placa alusiva à data comemorativa, o General Braga Netto presenteou Aldo Gonçalves com um livro sobre o Exército (foto).
 
 
 
05/09/2018
Curso: Gerência de Vendas
 

 
 
 
05/09/2018
Curso: Técnicas de Vendas
 
 
 
 
05/09/2018
Utilização de créditos da Nota Carioca para desconto no IPTU
 
 
A Secretaria Municipal de Fazenda informa que iniciou no último sábado (1º) o serviço de direcionamento de créditos da Nota Carioca aos imóveis que podem ser beneficiados com o abatimento de ate 100% do IPTU no ano de 2019.

Os contribuintes têm até o dia 30 de setembro para transferir valores no site da Nota Carioca (www.notacarioca.rio. gov.br) e indicar o número de inscrição do imóvel no cadastro do IPTU - presente no carnê de pagamento do imposto - e garantir descontos para um ou mais imóveis, comerciais ou residenciais, localizados no município do Rio, sendo necessário, no mínimo, R$ 1,00 acumulado para direcionar valores. 

Podem ter créditos disponíveis no sistema pessoas físicas cujos CPFs estejam identificados no documento fiscal emitido e pago, pelo prestador de serviço, desde o 1º de janeiro de 2016.

O programa permite ainda que o valor seja direcionado a um mesmo imóvel por CPFs distintos, sem que haja necessidade de o contribuinte ser o proprietário do imóvel beneficiado.

A quem se estende o beneficio?

O abatimento no IPTU 2019 se estende a imóveis que estejam com débito de IPTU. (não são beneficiários os que possuírem débitos de TCL – Taxa de Coleta Domiciliar de Lixo)

Qual a validade dos créditos?

Os créditos terão validade no sistema até o dia 30 de setembro do segundo ano seguinte àquele em que tiverem sido gerados. Por isso, os que foram gerados em 2016, cerca de R$40 milhões, perderão a validade em 30/09, caso não sejam utilizados para abatimento no IPTU.

Quando se iniciará o programa?

O programa estará disponível desde o dia 01.09.2018.
 
 
 
05/09/2018
Você faz uma boa gestão de clientes?
 
Gestão de Clientes é um conjunto de práticas para entender bem os clientes, personalizar e melhorar o relacionamento com eles. Mais do que isso, é uma estratégia que coloca o cliente no centro da organização. O foco está nele, para atendê-lo da melhor forma.

Tudo começa por saber quem são os clientes. Eles oferecem muitas informações que não são devidamente coletadas pelas empresas. Poucas delas conseguem juntar o básico como nome, endereço, telefone e e-mail.

Toda organização deveria saber alguns dados individuais de cada cliente, não médias ou “valores típicos”. Por exemplo: os produtos ou serviços adquiridos, seus pontos de contato preferidos, dúvidas e outros.

Quando uma empresa atende modo personalizado, precisa se preparar bem. “Tratar clientes diferentes de forma diferente” parece óbvio, mas envolve dois grandes desafios:

1º: Clientes diferentes? Como assim? - Isso significa classificar de forma adequada. Para chegar nisso é preciso ter informação organizada e definir os critérios de classificação. Qualquer um na empresa deveria saber “quem são nossos dez melhores clientes e porque”. E isso tem de estar alinhado com a estratégia da empresa. Não conheço muitas organizações onde isso acontece. E você?

2º: Tratar de forma diferente – Não é discriminar nem se relacionar bem com certos clientes e mal com os demais. É oferecer produtos, serviços e atendimento personalizados a partir do valor e das necessidades de cada um. O desafio é ajustar a oferta e o custo de cada interação ao valor atual e o valor que se espera no futuro. Isso não acontece ‘como mágica’ após instalar um software de CRM ou um novo pacote de marketing digital.

É essencial que a empresa tenha seus processos bem definidos e uma base sólida antes de adotar novas tecnologias. É também preciso definir como os resultados serão medidos, quais problemas as ferramentas irão resolver na empresa e quais nem dependem de tecnologia.

Definir estratégia, redesenhar processos e fazer um roadmap para o futuro não tem que ser um exercício demorado. O importante é se preparar bem para a Gestão de Clientes e ter ciclos rápidos de implementação. Ao final de uma jornada bem-sucedida, sempre ouvimos que “investir na preparação foi a melhor coisa que fizemos!”

Fernando Pierry é sócio fundador da PPG Brasil

Fonte: DCI
 
 
 
Página: « 1 2 3 4 5 6 7 8 9 »
 
Contribuições
Obrigações do Mês
Associe-se
Convênios
 
Revista
 
 
 
         
 
   
Sindilojas Rio
Telefone

Rua da Quitanda, 3 - 10º, 11º e 12º andares
Centro Rio de Janeiro RJ
CEP 20011-030